Textos

TE DEVORO TU ME DEVORAS
Eu te devoro tu me devoras
Eu te respiro tu me respiras
Tomamos assim a dor um do outro
Até que tudo se dissolva
Até que reste apenas Amor
Impregnado de Espaço
E concebamos o que jamais nasceu
O que nunca existiu
O que nunca surgiu
O que nunca foi
Todavia nunca deixou de Ser
Ayumi Yosano
Enviado por Ayumi Yosano em 30/08/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr