Textos

Em Casa di Maria

Nestes dias, em que a manada busca distrações para os sentidos e amortecimento para o sofrimento a qualquer custo, faz-se necessário refletir sobre algo. O aconchego.
Mas o verdadeiro. Aquele que se sente no Coração e não com o corpo deitado num colchão da nasa, forrado com milhões de fios egípcios. Busca-se no luxo, na "exclusividade", nos sabores exóticos, em pisos e paredes de mármore, nas bolinhas do espumante aquilo que no fundo todos desejam experienciar com a Alma. É aquele calorzinho que enternece, que aquece por dentro do peito. 
Luxo hoje em dia, é poder ser grato e saber discernir o valor de cada coisa, cada palavra, cada gesto. É poder sentir alguma paz, algum contentamento. Saber apreciar a beleza de cada momento e que em tudo existe. Poder sentir as flores, as cores, os sons e todas as nuances sem analisar, nem tampouco se apegar. Simplesmente se deixar encantar.
E voar de primeira classe é poder se dar ao luxo de ser simples, ser livre, ser a gente mesmo. Se ver cercado de pessoas amorosas que irradiam e espelham profundidade, alegria, leveza. Que estão contigo pra compartilhar ternura e afeto  autênticos nas coisas mais triviais. Numa sopa quentinha. Numa cuia de mate. Numa bacia com pipoca. Que ainda podem ser regados a risos, prosa, preces, poesia e melodias que nutrem os espíritos que rumam juntos ao Céu, nosso próprio interior. Numa praça, num banco de madeira junto a um fogão a lenha, sentados na grama, debaixo de uma árvore, em volta de uma fogueira... pois é assim que me sinto quando vou em casa di Maria...
Essa essência  é que me nutre e não troco isso por nada, nadinha mes-mo!

Quem sabe apenas nos reconheçamos como canais amplificadores, por onde toda e qualquer energia, de qualquer natureza possa fluir. Amor, Ternura, Saúde, Sabedoria, Abundância, Prosperidade, no entanto sem que nos apeguemos a nenhuma delas...


*Esta é uma homenagem a Maria, minha irmã do coração, brilhante poetisa deste Recanto. Mas pra não ser injusta, claro que tem a Casa di Mamãe, onde nasci e cresci. E há tantas outras Casas di Maria e não me esqueço de nenhuma delas!  
 
Ayumi Yosano
Enviado por Ayumi Yosano em 10/08/2019
Alterado em 28/08/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: raneko/flickr